Ir para o topo
Suprareal Sementes

(46) 3543-4343

Você está em: InícioNotícia

IMPORTANTE: Sementes de Capim | Profundidade de Plantio.

IMPORTANTE: Sementes de Capim | Profundidade de Plantio.

Imagem 1

O planejamento do plantio de sementes começa com a compra da semente e demais insumos. O agricultor deverá planejar a melhor época de receber a semente para plantio, assim como reservar um local limpo e arejado para armazená-la até a data do plantio.É por ocasião do plantio que se obtêm uma boa ou má população de plantas ou densidade de plantio.

Num bom plantio é procurado como resultado uma boa população de plantas, sendo que se esta densidade for correta, com plantas nascidas na quantidade ideal por metro quadrado, a formação da pastagem será rápida podendo ser usada na colocação dos animais para pastejo em período mais rápido.

Que profundidade posso usar no plantio?
Imagem 1

A temperatura, umidade e o tipo de solo são os fatores que condicionam a profundidade de plantio. O fato da semente ser colocada em profundidades diferentes não interfere na profundidade do sistema radicular definitivo.
O plantio das sementes deve ser mais superficial em solos mais pesados, que dificultam a emergência, ou quando a temperatura do solo é mais fria, em função da época ou da região . Em solos mais leves, arenosos, a profundidade pode ser maior, aproveitando as condições mais favoráveis de umidade do terreno.
Em termos genéricos, verifica-se que cultivares de ciclo mais curto exigem maior densidade de plantio em relação a cultivares de ciclo mais longo para expressarem seu máximo rendimento. A razão desta diferença é que cultivares de ciclo menor geralmente, apresentam plantas de menor altura e massa vegetativa.
Quando as sementes são enterradas em profundidades acima das recomendadas, podem até germinar, mas a plantinha do capim normalmente não tem força pra chegar até a superfície do solo e acaba morrendo antes de emergir. Esse problema é mais grave em solos com maior quantidade de barro (argila) e menor de areia. Sabe – se que quando ficam descobertas em superfície do solo podem ocorrer grandes perdas de sementes, pois estas podem ser destruídas por pássaros e insetos.
Quando ficam descobertas as sementes têm mais dificuldades para absorver água (que é necessário para a germinação) e germinar. Mesmo que germinem, muitas plantinhas de capim ressecam e morrem. Dessa forma, é necessário que as sementes fiquem cobertas por uma fina camada de solo. O plantio feito a lanço, em locais de solos com baixos teores de barro, ou quando não estiver em clima de chuva após o plantio, é necessária a passagem de grade ou rolo compactador /compressor (aqueles formado de pneus velhos), logo em seguida ao plantio. A intenção é enterrar levemente as sementes no solo, melhorando a germinação do capim, produzindo ótimos resultados.
Fatores que afetam a formação da pastagem na hora do plantio.
Imagem 1

• Quantidade inadequada de sementes;
• Profundidade das sementes no plantio: As sementes de capim devem ser semeadas a profundidade mínima de 0,5 cm e máxima de 2 cm para sementes Brachiarias e até 1 cm para sementes Panicuns. Como regra geral, podemos dizer que a profundidade deverá ser 3 vezes o diâmetro da semente. Dependendo da espécie e da textura do solo, se a profundidade for um pouco maior do que o recomendado, poderemos ter atrasos na germinação (emergência) e até perda do plantio por este fato;
• Não incorporação das sementes no plantio;
• Utilizar grade aberta após semeadura;
• Fermentação de material orgânico no solo;
• Umidade do solo;
• O preparo do solo deve ser realizado de maneira eficiente eliminando os “torrões”, promovendo condições para boa germinação da semente e controle das plantas daninhas;

• Ocorrência de veranico (estiagem) após o plantio;
•A dormência é uma característica das sementes de forrageiras que, mesmo estando viáveis não germina mesmo em condições ótimas de luz, temperatura e umidade.

O que é pureza e germinação?

Imagem 1

A pureza é a quantidade de sementes puras em uma determinada amostra de sementes. Já a germinação se diz da quantidade de sementes puras que germinam, originando plantas saudáveis em condições ótimas de temperatura, umidade e luz.
Não misture as sementes com fertilizantes nitrogenados e potássicos, pois estes são altamente higroscópicos, ou seja, possuem materiais que absorvem água. Fertilizantes fosfatados como Super Fosfato Simples e Triplo, Fosfato Reativos e Naturais, podem ser misturados às sementes, devendo a mistura ser feita no mesmo dia do plantio, da forma mais homogênea possível.
A melhor época de semeadura são os meses de maior pluviosidade e temperatura, que propiciam um desenvolvimento mais acelerado das forrageiras e leguminosas.

Armazene as sementes de forma correta.

Imagem 1

As sementes são organismos vivos e sensíveis, sendo necessários cuidados durante o transporte, para protege-la da umidade e do calor em excessivo.
Devem ser armazenadas em local seco, fresco e ventilado, de preferência sobre estrados de madeira para não absorver umidade.
As sementes para plantar, não podem estar junto as paredes do armazém, garantindo assim uma melhor ventilação e o controle de traças e roedores. Não misturar as sacarias de sementes com outros produtos como fertilizantes, sal mineral, combustível, etc.
Mantenha as sementes longe da luz direta do sol. Evite deixar a embalagem aberta. O ideal é usar todo o conteúdo da embalagem.
Ver todas as notícias